Siga o blog por E-mail

sábado, 4 de janeiro de 2014

A humildade que atrai o favor Divino

Este texto é um esboço, portanto leia-o acompanhado da bíblia, fazendo a leitura dos respectivos textos.



Genesis 38
Humildade é a virtude que consiste em conhecer as suas próprias limitações e fraquezas e agir de acordo com essa consciência. (Wikipédia)
Os filhos de Judá morreram porque pecaram, e Judá não enxergou o peso da iniquidade deles, por isso puniu Tamar com medo que seu terceiro filho também morresse se o desse por esposo a ela, como dizia lei.

2 Timóteo 2:22 - Se ignorarmos as verdades da palavra, sofreremos o dano.

Judá prova não ter visão santa quando se deita com uma prostituta e entrega sua honra (selo) e sua autoridade (cajado) a ela (não vemos Abraão, Isaque ou Jacó - seu pai - se deitar com uma prostituta, então mesmo que comum na cultura daquele tempo, os homens de Deus entendiam a questão da santidade).

Judá significa motivo de louvor, mas quando isso de fato acontece?
Passado os episódios que levantam José a governador, quando os filhos de Jacó vão buscar alimento no Egito, Judá é o primeiro a reconhecer suas fraquezas e limitações, e assim mostrar arrependimento, e isso prova que a vida lhe ensinou como se repara uma vida de desgraça: com arrependimento! Gn 44:16

Vemos que depois disso o favor de Deus veio sobre a vida de Judá com o cedro de autoridade de comando. Gn 49:8

Davi e Salomão tiveram corações diferentes, e a maior característica de Davi, foi o arrependimento, e só os humildes são capazes de reconhecer suas limitações e fraquezas, como define o dicionário.

Gn 4 nos conta a história de Caim e Abel, e naquele momento Deus puni Caim com uma maldição, e não arrependido, ele acha a punição pesada demais e questiona, Deus coloca uma marca sobre ele, declarando que se alguém o matasse seria punido sete vezes mais.
Caim, mesmo entendendo o dano que sofria, não demostrou arrependimento, mas somente preocupação com sua vida.

Lameque mostra uma postura altamente pior que Caim (v23) quando perdeu o temor a Deus por ver essa punição. Ele banalizou o erro achando que com ele seria supostamente igual. Devemos tomar cuidado com essa ótica maligna de que não existem consequências, tentando nos tirar o temor. Quando eu li, fiquei enfurecido com essa visão turva, que muitas vezes tem nos roubado também, nos impedindo de perceber o erro e se arrepender. Porque assim como a dor serve para alertar sobre alguma doença, a maldição e as consequencias muitas vezes serve para percebermos o nosso pecado e nos arrependermos.

Em Gn 16 Deus diz a Hagar para se humilhar. Hagar havia errado com Sara, Sara havia errado com Hagar, e despejada de sua casa, ela foi ao deserto, mas Deus a viu e a fez uma promessa, mediante a ordem de que ela se humilhasse. Humildade atrai o favor de Deus

Só o orgulho e a dureza de coração podem nos tirar o favor Divino. Nós precisamos QUERER a Deus - Ezequiel 24:13 e no v23 enxergamos a real postura que devemos ter para atrair o favor divino, a graça e a misericórdia de Deus.

Em Tiago 4:6b a 10 entendemos que a atenção e o favor da alegria de Deus, que é também a nossa força, vem mediante ao arrependimento, ao reconhecimento das nossas fraques e limitações.